terça-feira, 1 de agosto de 2017

Lugar aramado



Um bordado que se organiza na mente
no espírito e nos espaços do tempo
vivo essa rede de malhas finas
suas partes que se prendem
quando acontece o amor
e se esparsam tortas
nas armadilhas
ditas tramas
da sorte
afiada

sábado, 29 de julho de 2017

Lugar da realidade


de
fato
me acho
nessa noite
do nada celebrar
são três os espelhos
instalados no meu quarto
tem direito, esquerdo e do meio
todos me apresentam uma só imagem
de um homem velho, triste, mentiroso e feio

Sandoval Fagundes, Casa6 - terça-feira, 29 de julho de 2014
01:09:23

quinta-feira, 20 de julho de 2017

Lugar desejado

EQUILÍBRIO PRECÁRIO
(para minha filha Amana)


imagine
um mundo feliz
pense, defina, sonhe
deseje, elabore e queira
e esse sonho será verdadeiro
sonhe essa verdade por completo
principalmente essência e liberdade
poder amar a vida que nos vem de graça
porque a vida é bem mais que um risco
aquilo que nos parece algo imediato
cantemos a causa urgente de viver
exercendo a capacidade da vida
sedutora aventura que seja
mais absoluta segurança
sanidade e equilíbrio
preservando a vida
destino fluido
a alma feliz
imaginada



30 de Setembro de 2007

domingo, 16 de julho de 2017

Lugar da insônia



não
vive
olhos
ímpetos
acalmados
nunca quero
mortos atentos
e sedentos de luz
nessa ronda insana
procurando sem ver
os sonhos intensos
tempo e desapego
pela madrugada
porteiros frios
pensamento
deficitário
e solitário
acordam
insones
freiam
olham
fritam
solam
cantam
fenecem
alfinetam
todo tecido
pacientemente
Sandoval Fagundes – CASA6 - 16/07/2015
02:55:51

Lugar necessário



querer
o Ser do amor
no afeto tão exato
do bem querer somente
e desejar a melhora no outro
investir na compreensão da vida
para sentir realizações manifestas
e sempre sem nada guardar
além do amor entregue
só feito de carinho
estrutura plena
e contínua
amada
pura


Sandoval Fagundes, João Pessoa, 16 de julho de 2013
07:32

sábado, 8 de julho de 2017

Lugar estação




quando solenizamos
nossas passagens
aqui estamos
para somar
calendários
vivenciados
acontecidos
decompomos
tudo em poesia
em musica e arte.
desejamos multiplicar
e aperfeiçoar nossas vidas
contra o tempo que nos é subtraído.


Sandoval Fagundes, João Pessoa - segunda-feira, 31 de dezembro de 2012
12:51:33

Lugar lida


Foz
chegou
(do outro)
o no nosso dia
e já não sei qual
se tiveres à vontade
e ousares dar um sinal
na arte que se instala
quando nos arrasta
e lá para dentro
do Eu interno
só seremos
(no outro)
atidos
sóis


Sandoval Fagundes, João Pessoa - quinta-feira, 18 de julho de 2013
3:28:27

Lugar surpresa


vejo
nautas
gotas brotam
em tuas pernas
e certos monumentos
letais e iguais em doçura
as costas, piano que invento
sustento a candura com os olhos
com lentes na vida: o agravo da cor
és completa que decoro cada traço teu
defendente da sorte, desejo me alimentar
sustentas e ostentas, todas as falas do mundo
resumo das graças, das taças que ainda não bebi


Sandoval Fagundes – CASA6 - sexta-feira, 27 de março de 2015
23:48:53

sexta-feira, 7 de julho de 2017

Lugar doação



para desenhar o retrato de uma mãe
é preciso esboçar nossos sonhos
abarcar na construção da vida
do espelho por intermédio
compreender que a casa
é permanência do feto
e do mundo dedicado
todo seu interior
a toda projeção
da confiança
quer apego
e entrega
que só
mãe



Sandoval Fagundes, João Pessoa - domingo, 13 de maio de 2012 -
11:18:50

Lugar redondo




ventre mede e balança a natureza
revela o laço e a dança do verso
celebra o traço que se lança
desenha a esfera musical
oração e talhe do som
emoção da vida
fora, dentro
e entre...


Sandoval Fagundes, João Pessoa - segunda-feira, 18 de junho de 2012
07:45:24

Lugar retido




Há um fio
na tarde tecida
do arco íris o vestígio
continente na imaginação
portão fechado e transparente

Sandoval Fagundes – João Pessoa - segunda-feira, 20 de maio de 2013
12:43:53

Lugar necessário






querer
o Ser do amor
no afeto tão exato
do bem querer somente
e desejar a melhora no outro
investir na compreensão da vida
para sentir realizações manifestas
e sempre sem nada guardar
além do amor entregue
só feito de carinho
estrutura plena
e contínua
amada
pura



Sandoval Fagundes, João Pessoa, 16 de julho de 2013
07:32

Lugar definido





areia
cimento
argamassa
pensamento
quero adequar
para ser absoluto
cancha demarcada
que já foi determinada
na história cravada desafio
e obtém de pronto a exatidão

Sandoval Fagundes - segunda-feira, 19 de maio de 2014
01:49:32

Lugar paixão




na
flora
verve
agora
da terra
preciosa
e extensa
conservada
quão pródiga
em dulcificada
suficiente leveza
o derrame úmido
do carinho intenso
mais ambicionado
de todos os bens
o amor definitivo
no ímpeto desejo
das ações plenas
tomando vida
em ardores
infindos
que do
sempre
e no
agora


Sandoval Fagundes - Casa6 , terça-feira, 3 de junho de 2014
08:33:27

Lugar passado



foi
Igual
outro dia
dormi contigo
naquela casinha
distante da minha
perdida na floresta
espelhada na lagoa
silenciosa no tempo
gritando nosso amor
que até hoje guardei
acordado no telhado
fui abri suas janelas
chegou o passarinho
que desceu do céu
roubou o coração
abriu sua porta
pisou o chão
outro dia
igual
foi

Sandoval Fagundes – CASA6 - quinta-feira, 2 de julho de 2015
00:54:04

Lugar sorte





se
o acaso
ardente da
grata surpresa
vier me campear
eu que nunca poupei
sem antes dela gastar
se o tempo foi promessa
será que o sofrido jornal
já me mostrava, eu não li
a resposta que procurei
no amanhã me deparo
com a melhor solução
hoje não sou inquieto
se já fui contramão
sou avenida fluída
velocidade maior
destino acolhido
jamais um final
vivo a fortuna
ainda oculta
que a vida
modesta
desejou
saber

Sandoval Fagundes - Casa6 quinta-feira, 22 de maio de 2014
06:23

Lugar ofício



o artista
não é um sábio
jamais um profeta
talvez transformador
de natureza alegorista
e metamorfoseia pleno
como quem se sustenta
em folhas impraticáveis
nas suas cristalinidades
aflui do indeterminado
para que essa vida
soberbo episódio
desate no frio
pó aliviado
da dor
final

Sandoval Fagundes – CASA6 - terça-feira, 14 de julho de 2015
12:57:07
Nathalia Bellar
:)

Lugar não



vela
revela
no timão
desse tempo
do ser verdadeiro
qual um pintor de fato
o querer do artista nato
e toca o que pinta e ama
se vivo, navego essa dor
se me alegro dos mares
nos ponteiros e azares
riscados nos relógios
impiedosos em tics
em tacs pausados
dosados na noite
regada insônia
cronometrada
navegadora
e marítima
renegada
à deriva
senhas
tintas
sorte
falta
dela
tanto
me faz!

Sandoval Fagundes - CASA6 - sábado
26 de setembro de 2015
00:34

Lugar lua



e
lar
vem
parte
chuva
da praia
na lagrima
e construção
do travesseiro
todo o derrame
o teto e carinho
do aguaceiro lua
nossa enxurrada
no mar que sobe
lavando barreira
e alma atlântica
encostas ávidas
mar e tua onda
espelho piscina
descendo vida
canta e desaba
na tua goteira
quando cheia
quer concluir
respingando
nas janelas
e mostram
nessa fase
o desapego
da amargura
adocicado na rua
que para o lado de lar, vai

Sandoval Fagundes - Casa6, quinta-feira, 15 de maio de 2014
03:11:25

Lugar tarde



sua
mente
desmente
as suas lentes
que guardam o sol
para ter o dia seguinte
e acordam as mãos de dia
que atam os delírios da noite
no quintal querendo ser jardim

Sandoval Fagundes - Casa6 , segunda-feira, 9 de junho de 2014
5:32:04

Lugar bastidor



Qual desses segredos
esconde teu ornado
quando desenhas
no que é dado
para amar?

Sandoval Fagundes – CASA6 - terça-feira, 15 de dezembro de 2015
09:53:44

Lugar chuva



o
que
aqui
doce
verve
a vida
quando
um solar
de janeiro
tão quente
com tal calor
fala mormaço
nunca um sufoco
e vai me derretendo
ou quer me ressecar
vou me desidratando
fujo da pálida sorte
gato escaldado
pleno deserto
encorajado
e sabedor
da aridez
mas ela
torrente
chuá!
chuá!
chuá!
chove!
chuvada
fina diluída
e umedecida
devolvendo vida
suas águas vitais
envolvendo seres
seu amor fluído!
chove, chove...
...e chove!

Sandoval Fagundes - CASA6 - 06 de Janeiro de 2016
05:46

Lugar qualquer



e
ali
logo
no vão

no lance
da escada
aconteceu
no corredor
na sala aberta

o largo do mar
a folha de vidro
dentro do nada

entranha da casa
na antiga morada
no mesmo lugar

do despovoado
seu caminho
alucinação

moderna
daqui e
quiçá
Dalí

Sandoval Fagundes, Casa6 - Torre, quarta-feira, 19 de março de 2014
02:02:12

Lugar estrutura



A via pode ser assim
Aparentemente um novelo
tudo enrolado e muito particular
Mas para quem possui paciência
e capacidade de compreensão
esse conjunto emaranhado
as linhas finas e perdidas
nesses caminhos curvos
revelam outra realidade
a percepção completa
se assemelha a vida
simples e complexa
da organicidade

Lugar materno


de
amor
gravaste
por dentro
meu destino
que argumenta
essa ininterrupta
proteção em vida
refinamento teu
que se conserva
e despeja além
nesse mundo
assentando
o afinado
afeto

Sandoval Fagundes
CASA6 - domingo, 10 de maio de 2015
03:33:31

segunda-feira, 3 de julho de 2017

Lugar reforma



uma fina
camada de poeira
de cor branco acinzentada
paira impertinente sobre os objetos
infiltra em toda casa, nos meus pulmões
com sua ordem densa de entupir: casa e alma

uma frase
chamada de poesia
tensa e ainda sem cor definida
cai quase relaxada lá dentro do espírito
reflete em toda a alma onde havia um corpo
com seu texto ríspido de condensar: fala e vida


Sandoval Fagundes CASA6 -25 de maio de 2015
23:07

Lugar visual



teu
terço
o olhar
presente
que vejo ter
entre círculos
dentre esferas
bato nas portas
falo se respondo
o alimento úbere
do sentimento nu
se olho a melodia
ar dos teus sons
a sensível fala
o olho no fio
filme a dor
o prazer
broto
ver



Sandoval Fagundes - sábado, 22 de novembro de 2014
13:05:59

domingo, 2 de julho de 2017

Lugar emoção


ela
vive
verve
corada
e colorida
na ebulição
as suas dores
seus risos e luas
dentro seu mundo
concentra e eclode
pergunta, responde
arrebata a narrativa
acontece no interior
pensamento e dor
do gozo, surpresa
e qual suspeita
das certezas
e espera
sabe
ela

Sandoval Fagundes – CASA6 - quinta-feira, 2 de julho de 2015
02:16:50

sexta-feira, 16 de junho de 2017

Lugar bolsa



bolsa
ela fazia
noite e dia
belas as bolsas
para todos os fins
de todos os tamanhos
em muitas cores e padrões
bolsas com zíper e com botões
todas muito seguras e de qualidade
para todos os gostos, todas as idades
bolsas de cores bacanas: azul, vermelho
amarelo, prata, dourado, preta ou branca
com ou sem alças, argolas, fivelas, adornos
transpassadas, necessaires, bolsas carteiras
bolsas de festas, bolsas de ombros ou hobos
bolsas de todos os gêneros, masculinas, gay
femininas, e quantos sexos possam existir
ela criava, novos modelos, sem demora
em quantidade, personificada, na boa
na moda: bolsa totem, shopping bag
fazia dos modelos mais refinados
aos modelos bem mais simples
e comia o tempo na costura
dormia guardada no fio
das linhas de guardar
sua vida ganhava
transformada
numa bolsa
de valor

Sandoval Fagundes, CASA6 - terça-feira, 16 de junho de 2015
03:36:23

domingo, 11 de junho de 2017

Lugar não morado



aqui
o andante
sei que habito
o estado presente
a rede que embalança
no solo ausente e instável
ainda que não seja acontecido
plantado ou suspenso nas árvores
no chão nascido e firmado em carinho

Sandoval Fagundes - Casa6 - quarta-feira, 11 de junho de 2014
10:42:36

sábado, 10 de junho de 2017

Lugar amoroso

se
mito
se minto
já sei amar
em todo não
me entrego sim
e quando me nego
ainda sou da ternura
dedico, escuto e observo
ofereço sem desejar retorno
acredito que compreendo na vida
a missão de viver e sofrer de amor
todas as dúvidas e seus significados
dos rancores e das interpretações
não desfazem o afeto que existe
me é impossível dissolver o sol
adoçando as gotas da chuva
a mágoa turva, os vapores
sem o carinho ou apego
e do horizonte amado
nos corpos da arte
onde sem o ódio
sem falsidade
algum mito
do amor
eterno
vive
Sandoval Fagundes - Casa6 , terça-feira, 10 de junho de 2014
1:39:07

sexta-feira, 9 de junho de 2017

Lugar artista



Vida
de artista
comunicação
a arte popular
da nossa cidade
Mago das Placas
desenha o coração
com seu belo traço
vida longa guerreiro
viva o amor dedicado
puro humor sintetizado
para a história registrar
onde a verdade é bem dita
bendito o artista do povo
o querido artífice da alma
que sabe a nossa vida contar

quarta-feira, 7 de junho de 2017

Lugar receita

amor verdadeiro
é um alimento caro
não se paga com dinheiro
sua moeda é paciência e muita
intensidade de carinho no preparo

Lugar desfeito





a mente
lugar desfeito
perdedor avessado
guardei a minha pessoa
na face arranhada do presente


sábado, 3 de junho de 2017

Lugar teu



é
tua
a flor
colorida
e cheirosa
será uma rosa
de pétalas suaves
na pele aveludada
dos poros sensíveis
que falam de amor
da pureza da vida
que sabe sonhar
percebe a dor
de ser nua
gloriosa
verve
tua
é

Sandoval Fagundes - sexta-feira, 17 de março de 2017
21:41:45